Topo
E-mail redacao@noca.com.br
Faça do NOCA sua home Página inicial
Data Quinta-feira, 13 de dezembro de 2018
Anuncie Anuncie
       
Topo
Mural
BOM DIA! LÉA, quero ouvir a musica Miragem no Deserto com a Banda Noda de Cajú. Abraç...
FLAVIO VILANOVA ''O ADVOGADO", BRASILIA - DF
Boa noite! MEREÇO GANHAR PORQUE SOU FÃ DO PORTAL NOCA E DESSA DUPLA !ALEM DISSO, ACOMPANHO...
LIDINEIA DOS SANTOS ALMEIDA PINHO, Caxias ma - MA
+ mais mensagens
 
Faça sua Busca!

Notícias Colunas
São Paulo

PM e garota de 15 anos são encontrados mortos em motel

Aumentar Fonte   Diminuir Fonte
 
16/04/2018 10:37h

Um policial militar e uma adolescente de 15 anos foram encontrados mortos na madrugada de sábado (14) em um motel na Zona Leste de São Paulo. Um amigo do PM que estava no mesmo quarto que o casal com outra garota de 15 anos foi preso no local, suspeito de matar a menor com a arma do policial. O suspeito nega ter efetuado disparo.

Segundo o boletim de ocorrência do caso, após ver o tiro disparado contra a adolescente, supostamente de forma acidental, o PM se desesperou, pegou a arma de volta do amigo e se matou. A informação foi dada à polícia pela amiga da garota morta que também participava do encontro.

As informações foram confirmadas nesse domingo (15) pela assessoria de imprensa da Secretaria da Segurança Pública (SSP).

O caso foi registrado no 10º Distrito Policial (DP), Penha, como homicídio e suicídio. Para a Polícia Civil, o caixa Vinicius da Silva Oliveira, de 19 anos, matou a estudante e, em seguida, o policial, de 21 anos, tirou a própria vida.

Segundo policiais, o PM e o caixa haviam conhecido as duas amigas adolescentes numa balada e combinaram com elas de irem ao motel Drive-in Vintage, que fica na Rua Joaquim Marra, na Vila Matilde. Os quatro dividiram o mesmo quarto.

Motel
De acordo com policiais, os dois casais foram ao motel no carro do PM, que estava de folga. Como eles estavam com garotas menores de idade, pediram para as duas se esconderem no banco de trás.

A amiga da garota morta contou à polícia que, dentro do quarto, o caixa manuseava a arma do policial. A pistola, uma .40, teria disparado acidentalmente na cabeça da adolescente. O PM, então, entrou em pânico e se suicidou, conforme contou a garota.

A versão do suspeito é diferente. Ele contou à polícia que o PM brincava com a arma e matou a adolescente acidentalmente. E por isso o policial teria se matado depois.

Funcionários ouviram disparo
De acordo com policiais, foram funcionários do motel que telefonaram para a PM pedindo ajuda após escutarem o disparo dentro do quarto.

A pistola calibre 40 e celulares dos quatro foram apreendidos e serão periciados. A polícia pediu ao motel imagens das câmeras de segurança para ajudar na investigação.

A reportagem procurou o motel Vintage para comentar o assunto. Uma funcionária informou que o estabelecimento colabora com as investigações e não poderia dar mais detalhes por orientação do seu departamento jurídico.

Fonte: G1

| Versão para Impressão | Enviar por e-mail |
Últimas Notícias Últimas Notícias Listar Todas
13/12 - Corpo de jovem é encontrado dentro de rede no Residencial Eugênio Coutinho
13/12 - IFMA Caxias: terminam hoje inscrições para o Programa Mulheres Mil
13/12 - Estado inicia serviço de Perícias Médicas para servidores em Caxias
13/12 - A Lua no deserto
13/12 - Ex-policiais são condenados a mais de 34 anos de prisão pela morte do prefeito Bertin
13/12 - 75% veem Bolsonaro e equipe ''no caminho certo'', diz Ibope
13/12 - Unesco reconhece união homoafetiva como patrimônio mundial
13/12 - Começa hoje pagamento do sexto lote do Abono Salarial PIS de 2017
12/12 - Balaio Coletivo abre inscrições para oficina de teatro
12/12 - Polícia Militar promove Operação Natal em Caxias
Rádio Online
TV Online

Tv Ofértas Seu canal de compras (play Boy)
Publicidade
Resolução Mínima de 800x600 © Copyright 2007, Noca.com.br
Desenvolvido por Mundi Brasil