Topo
E-mail redacao@noca.com.br
Faça do NOCA sua home Página inicial
Data Sábado, 20 de outubro de 2018
Anuncie Anuncie
       
Topo
Mural
Fiquei muito orgulhoso por meu tio irmão de minha mãe ser agraciado por essa reportagem da...
Danilson Reis, Caxias - MA
BOA TARDE Nice Coelho, quero ouví a musica Miragem no Deserto com a Banda Noda de Cajú. Ab...
FLAVIO VILANOVA O ADVOGADO, BRASILIA - DF
+ mais mensagens
 
Faça sua Busca!

Notícias Colunas
Pesquisa

Datafolha: Bolsonaro tem 58% dos votos válidos, e Haddad tem 42%

Aumentar Fonte   Diminuir Fonte
 
11/10/2018 07:19h

O Instituto Datafolha divulgou ontem (10) resultado de pesquisa de opinião que indica que o candidato Jair Bolsonaro (PSL) tem 49% das intenções de voto e Fernando Haddad (PT) tem 36%. O número de eleitores indecisos ou que declaram votar em branco é de 8%. Seis por cento não souberam ou não quiseram responder. Considerando os votos válidos (sem nulos, brancos e indecisos), a vantagem de Jair Bolsonaro (58%) é de 16 pontos percentuais (42%).

Essa é a primeira pesquisa do Datafolha no 2º turno. O levantamento ouviu nesta quarta-feira 3.235 pessoas de 227 municípios. Como ocorria nas pesquisas do 1º turno, a margem de erro é de dois pontos, para mais ou para menos. A margem de confiança é de 95%.

A pesquisa foi contratada pela Rede Globo e pelo jornal Folha de S.Paulo, e está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (BR-00214/2018), junto com detalhamento do questionário aplicado e com os locais de realização das entrevistas.

Apoio de presidenciáveis

Conforme o Datafolha, 63% dos eleitores decidiram o voto "pelo menos um mês antes" da eleição. Dez por cento dizem ter sido 15 dias antes; 8%, uma semana antes; 6%, na véspera e 12% no dia da eleição.

A pesquisa ainda levantou a opinião dos entrevistados sobre o destino do apoio dos demais presidenciáveis que disputaram o primeiro turno. No caso de Ciro Gomes (PDT), terceiro colocado no primeiro turno, 46% opinam que o apoio deveria ir para Fernando Haddad, e 40%, para Jair Bolsonaro.

No caso de Marina Silva (Rede), 43% apontam que o apoio deveria ir para Fernando Haddad, e 38%, para Jair Bolsonaro. No caso de Geraldo Alckmin (PSDB), 47% opinam que o apoio deveria recair para Jair Bolsonaro, e 37% para Fernando Haddad.

O Datafolha também verificou se o apoio dos presidenciáveis derrotados no primeiro turno poderia levar o entrevistado a escolher um dos dois candidatos. No caso de Ciro, 21% dos entrevistados admitiram votarem quem o candidato apoiasse. No caso de Marina, 11%; e no caso de Alckmin, 14%.

Fonte: Imirante.com, com informações da Agência Brasil

| Versão para Impressão | Enviar por e-mail |
Últimas Notícias Últimas Notícias Listar Todas
19/10 - PM detém dupla com arma de fogo e moto roubada no bairro Salobro
19/10 - 1º Aviva Caxias acontece neste sábado (20)
19/10 - Homem de 69 anos está desaparecido e família pede ajuda em Caxias
19/10 - Cigarros contrabandeados são apreendidos no bairro Caldeirões
19/10 - Brasil foi o país que mais perdeu milionários, diz Credit Suisse
19/10 - Pit bull é morto com quatro tiros após atacar outro cão
19/10 - Mulher é condenada a 13 anos por matar homem que insistiu em beijá-la
19/10 - Datafolha: Bolsonaro tem 59% dos votos válidos; Haddad tem 41%
18/10 - Bandidos roubam loja com farda da Cemar no bairro Cohab
18/10 - Homem morre após ser atropelado por carro em Caxias
Rádio Online
TV Online

Tv Ofértas Seu canal de compras (play Boy)
Publicidade
Resolução Mínima de 800x600 © Copyright 2007, Noca.com.br
Desenvolvido por Mundi Brasil