Topo
E-mail redacao@noca.com.br
Faça do NOCA sua home Página inicial
Data Quinta-feira, 13 de dezembro de 2018
Anuncie Anuncie
       
Topo
Mural
BOM DIA! LÉA, quero ouvir a musica Miragem no Deserto com a Banda Noda de Cajú. Abraç...
FLAVIO VILANOVA ''O ADVOGADO", BRASILIA - DF
Boa noite! MEREÇO GANHAR PORQUE SOU FÃ DO PORTAL NOCA E DESSA DUPLA !ALEM DISSO, ACOMPANHO...
LIDINEIA DOS SANTOS ALMEIDA PINHO, Caxias ma - MA
+ mais mensagens
 
Faça sua Busca!

Notícias Colunas
Repúdio

Associação de Proteção Animal de Caxias se manifesta sobre cachorro morto no Carrefour

Aumentar Fonte   Diminuir Fonte
 
06/12/2018 16:19h

A Associação de Proteção Animal de Caxias (Adepac) se manifestou sobre o caso envolvendo o grupo Carrefour que resultou com a imagem de um cachorro morto nas dependências de uma unidade da rede na cidade de Osasco, na Grande São Paulo.

Denúncias apontam que o animal morreu após ser espancado por um segurança. O caso gerou revolta entre protetores de animais e várias manifestações ocorrem pelo Brasil. Ao Portal Noca, a coordenadora da Adepac, Lívia Maria, apresentou o seu posicionamento:

"Eu nem tenho palavras para expressar o que aconteceu com o cachorrinho do Carrefour. Foi um crime muito bárbaro que aconteceu com ele. Esse segurança é uma pessoa sem Deus no coração; como teve coragem de fazer o que fez? E as pessoas que ali estavam, viram e não tomaram nenhuma atitude para que ele não fizesse esse ato.

Estou com o coração despedaçado com tanta brutalidade e a cada dia mais deixo de acreditar que o ser humano possa ser melhor. Esse foi mais um dos vários casos que acontecem diariamente e que não sabemos. Os animais não merecem tudo isso, o abandono das pessoas, maus tratos.

Espero que diante de tanta mobilização das pessoas a respeito do caso, que ele veja o que fez e que, se puder, consiga ter paz. E que a lei seja mas rigorosa em favor dos animais."

A Adepac está engajada na divulgação de um abaixo-assinado que solicita que o Senado coloque em pauta a PL 2833/2011, onde tramita como PLC 39/2015, que aumenta as penas para crimes de maus-tratos e abandono de animais. "Ela já foi votada, foi vigorada, mas não tem as políticas públicas. Temos que forçar os senadores a votar e fazer com que vire lei de fato", diz Afonso d Paula, autor da petição.

Fonte: João Lopes/Direto da Redação

| Versão para Impressão | Enviar por e-mail |
Últimas Notícias Últimas Notícias Listar Todas
13/12 - Corpo de jovem é encontrado dentro de rede no Residencial Eugênio Coutinho
13/12 - IFMA Caxias: terminam hoje inscrições para o Programa Mulheres Mil
13/12 - Estado inicia serviço de Perícias Médicas para servidores em Caxias
13/12 - A Lua no deserto
13/12 - Ex-policiais são condenados a mais de 34 anos de prisão pela morte do prefeito Bertin
13/12 - 75% veem Bolsonaro e equipe ''no caminho certo'', diz Ibope
13/12 - Unesco reconhece união homoafetiva como patrimônio mundial
13/12 - Começa hoje pagamento do sexto lote do Abono Salarial PIS de 2017
12/12 - Balaio Coletivo abre inscrições para oficina de teatro
12/12 - Polícia Militar promove Operação Natal em Caxias
Rádio Online
TV Online

Tv Ofértas Seu canal de compras (play Boy)
Publicidade
Resolução Mínima de 800x600 © Copyright 2007, Noca.com.br
Desenvolvido por Mundi Brasil