PUBLICIDADE

Responsive image

Mário Assunção

Caxias em Pauta

Parentes: da ascensão à derrota


Na sua grande maioria, os políticos carregam com seus mandatos vários parentes para exercerem cargos na administração pública. Não existe nenhum crime desde que sejam cargos comissionados (de confiança) e que o parente possua capacitação adequada para o exercício do cargo, respeitando os limites da lei.

Em Caxias, todas as famílias que foram inquilinas do Palácio da Cidade utilizaram-se dessas práticas e, muitas vezes, importando parentes de outros estados e cidades para exercerem cargos na administração.

O grande problema é quando a parentada começa a utilizar seus cargos, os recursos públicos para realização de negócios obscuros e, ao arrepio da lei, praticar crimes, desde favorecimento ilícito a desvio de verba. Dessa forma, o gestor sente-se incapaz de demitir o parente para não manchar o nome da família. No torrão caxiense existem vários exemplos: quem nunca ouviu falar da “Família Metralha”? Ou do “Forasteiro Fanfarrão”? Tem o “Primo Agiota”, e assim sucessivamente.

Outro problema é quando a parentada começa a achar o espaço do executivo pequeno e pensa em aumentar seus tentáculos nos legislativos Municipal e Estadual. Assim, acaba-se com as chances dos parceiros políticos do gestor do executivo a crescer politicamente, condena seus correligionários a atrofia política precoce a não passar de vereador.

São essas armadilhas que o bom político precisa ficar atento e administrar de forma sábia a fome da parentada e os anseios dos parceiros políticos para proporcionar uma harmonia no grupo e ter o exército unido para guerra.


Colunas anteriores

O retorno das universidades e faculdades

Com a redução dos números de casos e mortes pela pandemia o Brasil, começa a pensar protocolos de retorno de todas as atividades. O estado do Maranhão e Caxias conseguiram de forma profilática e terapêutica achatar a curva de crescimento do Covid-19 e vivemos hoje a redução maciça do número de casos e óbitos. Podemos observar a redução da ocupação dos leitos de UTI...
Continuar lendo
Data:19/08/2020 10:23

Afinal, o que esperar do retorno das aulas presenciais?

Após vários meses paradas, as escolas terão que se adequar aos novos tempos. Segundo uma pesquisa da Universidade de Minnesota, nos Estados Unidos, o coronavírus deve continuar circulando pelo mundo pelos próximos dois anos. Isso significa que, mesmo que a pandemia retroceda no Brasil, o retorno das aulas presenciais exigirá o máximo de cautela para que este ambiente não se torne um foco de transmissão da...
Continuar lendo
Data:12/08/2020 17:01

Educação em tempos de pandemia

Vivemos momentos difíceis que irão ficar marcados na memória das pessoas. Uma geração inteira marcada pelo Covid-19 e sofrendo seus efeitos ao longo dos anos. Em entrevista coletiva concedida na sede das Nações Unidas, o secretário geral António Guterres disse que uma das consequências mais devastadoras para a próxima geração é o fechamento das escolas. Segundo a ONU, até meados de julho, as...
Continuar lendo
Data:06/08/2020 15:31

PUBLICIDADE

Responsive image
© Copyright 2007-2019 Noca -
O portal da credibilidade
Este site é protegido pelo reCAPTCHA e pelo Google:
A Política de Privacidade e Termos de serviço são aplicados.
Criado por: Desenvolvido por:
Criado por: Desenvolvido por: